sábado, 18 de outubro de 2014

Nariz Entupido traz Chris Garneau em estreia nacional


No próximo dia 2 de Novembro, o músico norte-americano Chris Garneau apresenta-se em estreia absoluta e única, em territótio nacional, na Escola de Música do Conservatório Nacional em Lisboa, numa organização da Associação Cultural Nariz Entupido. Citando nas suas principais influências nomes como Jeff Buckley, Nina Simone, Nico e Cat Power o músico apresentará Winter Games, o seu mais recente trabalho editado o ano passado.

Numa atmosfera muito folk, o concerto tem início às 21.00H sendo que contará com a abertura de Senhor Vulcão. Os bilhetes têm um preço de 10€ e podem ser já reservados em geral@narizentupido.com. Todas as informações adicionais aqui.


+

Reportagem: Commonplaces [Mercado Negro - Aveiro]


Voltamos à enorme Associação Cultural Mercado Negro desta vez para o primeiro concerto dos espanhóis Commonplaces em território nacional, em Aveiro, para assistir à apresentação do seu mais recente trabalho de estúdio Catch It There, editado a 4 de Janeiro do presente ano. A banda regressou  assim, depois da presença em Janeiro, no mesmo local, com os seus cinco membros num concerto que prometia agudizar os ouvidos mais sensíveis de quem presenciou tal acontecimento.


Sem grandes apresentações iniciais a banda entrou em palco, agarrou nos respectivos instrumentos e começou a tocar. Depois de cerca de 10 minutos a dar um espectáculo de guitarras e pedais com uma percussão bastante astuta, o público reagiu com palmas bastante pertinentes que se denotaram nos sorrisos dos membros da banda, com "Obrigado" em espanhol. Poucas palavras depois a banda começou a tocar "Achilles Heals". Após o término da música o teclista Koe Casas apresentou a banda com um sorriso rasgado e um agradecimento dedicado ao dono do Mercado Negro, não só por os acolher desde o início, mas por manter vivo um espaço cultural tão bonito como é todo o edifício que alberga não só café, como sala de concertos.


"Elephants To Come" abriu assim já numa sala bastante quente, não só pelos incansáveis movimentos dos músicos de um lado do palco para o outro, mas também porque o som ecoava forte na sala e  não deixava as pessoas indiferentes a algum movimento, não só com a cabeça, mas mesmo no corpo. Por entre os acordes, "pond puod" ajudava à festa. Outro factor importante de denotar ao longo do concerto foi a massiva utilização de pedais, facto não só por se tratarem de três guitarristas, mas também factor importante na criação da atmosfera cósmica e bastante sonora que se fez sentir ao longo de cerca de uma hora de duração do concerto.


Por entre "Caréntesis" E "Grand Format" as palavras entre público e banda foram poucas, à semelhança da setlist que foi também ela pequena, no entanto bastante agradável. A banda despediu-se assim com uma última música que acabou por sofrer o formato duplo no seu fim, após o público se mostrar agradado com o que ouvira até ali. Foi um regresso interessante da banda de post-rock instrumental, mas que pecou um pouco por se ter tornado, de certa forma, monótono. 


Texto: Sónia Felizardo
Fotografia: João Peça e Sónia Felizardo

+

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

BadBadNotGood anunciam álbum colaborativo com Ghostface Killah


No início deste ano o lendário Wu-Tang, Ghostface Killah, e os BadbBadNotGood juntaram-se a Danny Brown e lançaram "Six Degrees", um excelente single de rap. O single foi tão bom que agora a dupla acaba de anunciar um álbum colaborativo.

"Gunshowers" é o novo single da dupla e estará presente no álbum assim como "Six Degrees". O single tem também a participação de Elzhi, membro dos Slum Village.

Soul Soul tem assim data de lançamento prevista para 16 de Fevereiro de 2015 via Lex Records.


+

Building It Still é a nova música de James Blake


Em Agosto, James Blake passou mais uma vez pelo nosso país para actuar no Festival Paredes de Coura e lançou um novo tema 200 Press na sua passagem por um dos programas da BBC Radio 1. Nesta semana James mostrou-nos mais um dos seus temas inéditos Building It Still, o qual ainda não sabemos se figurará num futuro registo do artista, tal como 200 Press.

+

Pontiak regressam a Portugal no dia das bruxas!

Se ainda não têm planos para a mítica noite de 31 de Outubro, mais conhecida por noite das bruxas, eis uma sugestão! Vão até à A.R.Povoense, em Alcobaça e assistam ao Crespúsculo, noite de concertos dedicada ao Halloween onde vão actuar os norte-americanos Pontiak.

Vão também estar presentes  vários nomes portugueses como os Asimov, Marvel Lima e os The Blue Drones. A entrada custa 4€ e os concertos têm início às 22h.
Consultem aqui mais informações do evento.

+

Beach House tocam novo single me Montreal


Dois anos é o tempo médio de espera entre novidades em formato LP dos Beach House, no entanto no último ano, o anúncio de notícias por parte da banda, nesse ramo, tem sido inexistente. 

Em tempo de finalização de tour canadiana parece que o caminho para novidades chegarem é menor, e, no início do mês, num concerto em Montreal, a banda apresentou um single inédito ainda sem nome. A canção foi gravada, e, apesar da pouca qualidade, é uma pequena amostra daquilo a que a música soará.


+

Single inédito de Bob Dylan pode agora ser ouvido


Pela primeira vez, a totalidade das sessões The Basement Tapes de Bob Dylan estará disponível para o público em geral. A colecção dos seis discos abrange cerca de 138 singles, 30 das quais nunca foram dadas a conhecer ao público até ao início deste Outono. Várias outras, ainda em versão pirata, verão agora a sua versão estúdio.

Bob Dylan revelou assim a inédita "Dress It Up, Have it All" que fará parte da box que estará disponível em 2 Cd, 3 LP em formato vinil, e 6 versões em disco.

A reedição de The Basement Tapes tem data de lançamento prevista para 4 de Novembro via Sony Legacy.


+

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

LUH é o novo projecto de Ellery James Roberts (Ex-WU LYF)


O ano passado Ellery James Roberts (vocalista dos WU LYF) lançou o single "Kerou's Lament" sob o nome próprio sem adiantar mais detalhes do que se poderia vir a esperar no futuro. Deste modo, procedeu-se a mais de um ano de espera até novas novidades surgirem. LUH (Lost Under Heaven) é assim o nome deste trabalho, em formato duo, e vê hoje, um segundo single a ser lançado, "Unites".

Ao lado de Ebony Hoon, Roberts apresenta uma música sobre as saudades do equilíbrio num mundo perdido, onde se destaca a voz única do cantor e a introdução a um novo mundo. Ainda não há qualquer informações sobre um novo álbum, mas novidades não deverão tardar.



+

Parquet Courts anunciam novo album


Os Parquet Courts, que lançaram este ano "Sunbathing Animal" já têm outro álbum pronto. Os americanos vão lançar em Novembro "Content Nausea" sob o nome de Parkay Quarts, nome que já tinham usado no EP "Tally All The Things You Broke".

O álbum foi gravado em duas semanas por Austin Brown e Andrew savage e contém covers de "Slide Machine" dos 13th Floor Elevators e de "These Boots Were Made For Walking" de Nancy Sinatra.

O primeiro single de "Content Nausea", “Uncast Shadow Of A Southern Myth”, já pode ser ouvido aqui.



Tracklist:
01 “Everyday It Starts”
02 “Content Nausea”
03 “Urban Ease”
04 “Slide Machine”
05 “Kevlar Walls”
06 “Pretty Machines”
07 “Psycho Structures”
08 “The Map”
09 “These Boots”
10 “Insufferable”
11 “No Concept”
12 “Uncast Shadow Of A Southern Myth”

+

Reportagem: Amen Dunes [Bad Bonn - Suíça]


Bad Bonn, um bar mítico situado em Düdingen, na Suíça. Apesar de ficar localizado praticamente no fim do mundo e levar no máximo com umas duzentas pessoas, a programação não fica a dever em nada a uma sala de concertos de uma grande capital europeia. Este ano, por exemplo, já foram lá tocar os Crystal Stitls, TOY, Panda Bear, Sun Kil Moon, Marissa Nadler, os Perfect Pussy e muitos mais. Nos próximo meses ainda irão lá actuar os Ought, os clipping., os TOPS com os The Fresh & Only's, e os Bass Drum Of Death.



Uma vez por ano, normalmente na última semana de Maio, é lá feito o Bad Bonn Kilbi, uma espécie de mini-Primavera. Com uma capacidade máxima de 2400 pessoas, o festival consegue sempre surpreender e trazer nomes de topo, como Sonic Youth, Mogwai, My Bloody Valentine, Aphex Twin, Swans, Neu!, Death Grips, etc. Este ano trouxeram nomes como Neutral Milk Hotel, Black Lips, Goat, Pond, R. Stevie Moore e Angel Olsen.

Foi lá que fomos ver os Amen Dunes.

Quem abriu para eles foram os Anaheim, uma banda local constitúida por uma guitarrista, uma banjoísta, um baixista e um baterista. Com uma sonoridade parecida à de Angel Olsen, os suíços deram um concerto razoável, apesar de ter sido pouco memorável.

Seguiram-se então os Amen Dunes. Apesar de serem apenas 3 músicos em palco, Damon na guitarra acústica, um tecladista/guitarrista e um baterista, o som dos Amen Dunes não é nada vazio. Com simples progressões de acordes impregnadas em reverb e com a guitarra electrica a acompanhar, a banda consegue criar uma espécie de folk-psicadélico similar ao de Kurt Vile que nos faz viajar.



Damon McMahon e companhia tocaram temas de "Love", o mais recente trabalho deles, como "I Know Myself", "Splits Pre Parted", "Green Eyes, "Lonely Richard", "Lilac In Hands", a homónima "Love" e algumas músicas de "Through Donkey Jaw", "Baba Yaga" e "Lower Mind" inclusive. Houve ainda espaço para tocarem pela primeira vez ao vivo "Timeless Melody", cover da música dos The La's.

Na sua segunda visita ao Bad Bonn, Damon fartou-se de elogiar o sítio, onde já tinha tocado em 2012, e as salsichas regionais. Foi sem dúvida um grande concerto e uma bela forma de acabar a tour europeia para promover "Love", o último álbum da banda.



Texto: Helder Lemos

+

Pixies vão reeditar o lendário Doolittle


A banda americana Pixies, que este ano editou Indie Cindy e passou pelo festival NOS Primavera Sound, vai reeditar o seu segundo álbum de estúdio, o lendário Doolittle que celebra este ano 25 anos. Esta reedição vai contar com um disco triplo onde estarão presentes duas sessões da banda no programa de rádio de John Peel na BBC Radio 1, o álbum na sua versão demo, seis B-Side e ainda sete músicas bónus. O lançamente está agendado para 1 de Dezembro e se estiverem interessados, consultem a página da banda .

Eis a tracklist da reedição comemorativa dos 25 anos - Pixies: Doolittle:
Disc One – Doolittle
01. Debaser
02. Tame
03. Wave of Mutilation
04. I Bleed
05. Here Comes Your Man
06. Dead
07. Monkey Gone to Heaven
08. Mr. Grieves
09. Crackity Jones
10. La La Love You
11. No. 13 Baby
12. There Goes My Gun
13. Hey
14. Silver
15. Gouge Away

Disc Two – Doolittle: Peel Sessions & B-Sides
01. Dead (Peel Session
02. Tame *
03. There Goes My Gun (Peel Session)
04. Manta Ray (Peel Session)
05. Into The White *
06. Wave of Mutilation (Peel Session)
07. Down To The Well (Peel Session)
08. Manta Ray
09. Weird At My School
10. Dancing The Manta Ray
11. Wave of Mutilation (UK Surf)
12. Into The White
13. Bailey’s Walk

Disc Three – Doolittle: Demos
01. Debaser
02. Tame *
03. Wave of Mutilation (First Demo) *
04. I Bleed *
05. Here Comes Your Man (1986 Demo)
06. Dead *
07. Monkey Gone To Heaven *
08. Mr. Grieves *
09. Crackity Jones *
10. La La Love You *
11. No. 13 Baby – VIVA LA LOMA RICA (First Demo) *
12. There Goes My Gun *
13. Hey (First Demo) *
14. Silver *
15. Gouge Away *
16. My Manta Ray Is All Right *
17. Santo *
18. Weird At My School (First Demo) *
19. Wave Of Mutilation *
20. No. 13 Baby
21. Debaser (First Demo) *
22. Gouge Away (First Demo) *

+

14 álbuns de Nick Cave and the Bad Seeds serão reeditados em vinil


Catorze álbuns clássicos da discografia de Nick Cave And The Bad Seeds serão reeditados num vinil de 180g pela primeira vez, onde cerca de metade (sete álbuns) deverão chegar às lojas até ao final do ano.

A notícia vem juntamente com o recente anuncio da tour europeia a solo do compositor a acontecer entre abril e maio de 2015. Todos os álbuns a serem reeditados manterão assim a cover art original, mas como capas internas.

No próximo dia 27 de Outubro chegam já às lojas a reedição dos três primeiros álbuns do grupo: From Here To Eternity (1984), The Firstborn Is Dead (1985) e o álbum duplo Your Funeral... My Trial (1986).


+

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Oiçam: Day Of The Lords


Os Day Of The Lords surgiram no norte de Portugal, mais precisamente em Fafe. São uma banda de Rock and Roll e Blues Rock com umas pequenas porções de influências do Rock Psicadélico. A banda conta com Michel Oliveira no baixo, Vitor Silva na bateria, Ricardo Falcão na guitarra e João Sousa também na guitarra, e voz.

Os primeiros singles da banda, "Half Lies" e "Solution", respectivamente, foram gravados em Setembro de 2013 no Output Studios em Fafe.


Agora, a banda prepara-se para lançar o seu primeiro trabalho de estúdio em formato EP cujo lançamento tem data prevista para o final do mês. Chamar-se-à Burn and Proceed e conta já com uma primeira amostra, "Anova's Desert", um conjunto de riffs bastante poderoso, numa voz gritada, mas muito estimulante. É ouvir!

Burn and Proceed's Tracklist:

1 - "Mandkind Madness"
2 - "Wild Side"
3 - "Anova's Desert"
4 - "Embrace Me"
5 - "Divine Plan"

+

Memoirs Of A Secret Empire lançam single inédito em formato audiovisual [Threshold Premiere]


Que os Memoirs Of A Secret Empire aka MOASE são uma das grandes apostas no panorama da música nacional do "post-something" (como se descrevem nas tags do bandcamp) já ninguém duvida, mas parece que, depois de uma estreia genial em formato EP, a banda o vem confirmar através do novíssimo single "1989".

Gravado há 25 anos no olhar de Gonçalo Loureiro, que os acompanha desde as primeiras actuações (Live Projection - Old People Are Beautiful), os MOASE regressam assim, depois do EP homónimo, com um single díspar das linhas dos habituais trabalhos. A música traz deste modo, um ambiente muito mais efervescente onde a escuridão e a luminosidade dão as mãos para compor uma sonoridade que apesar da sua juventude, ainda traz a pureza da infância intrínseca.


"1989" marca também, o culminar desta enorme época de concertos que verá o seu "fim" a 7 de Novembro em Viseu, um dia depois da abertura do concerto de Maybeshewill, para mais um  Post-Amplifest. Os MOASE abrem assim um tempo de pausa na tour para organizar as ideias, e acima de tudo comporem o já muito aguardado álbum de estreia. Que seja uma pausa breve!

+

STREAM: Johan Rodrigues - Coast EP


Com participação do baterista Matt Snowden, o pianista italiano Fulvio Pietramala e o baixista Evandro Amaro na gravação de Coast, onde a parte orquestral viajou até São Petersburgo pela violinista Maria Grigoryeva, Johan Rodrigues dá assim por terminada esta etapa de estúdio através da disponibilização do stream do trabalho. 

Editado a 13 de Outubro e composto por cinco temas, o EP pode ser ouvido, ali em baixo.




+

Commonplaces tocam em Aveiro, Porto e Lisboa


A banda espanhola de post-rock instrumental, Commonplaces, está de volta a Portugal desta vez em função da tour de apresentação de Catch It There, o mais recente trabalho de estúdio da banda editado no passado mês de Junho. 

A banda inicia assim a tour na Associação Cultural Mercado Negro, em Aveiro a 16 de Outubro [23.30h], segue a norte onde actua no dia seguinte no canhoto, Porto, com abertura de The CityZens [22.00h] e termina em Lisboa, a 18 de Outubro no Bartô do Chapitô, Costa do Castelo com abertura dos Deslize [22.00h]. As entradas para todos os concertos têm um custo de 3 euros. 


+

Bonobo anuncia Flashlight EP


Simon Green aka Bonobo anunciou recentemente o seu regresso aos trabalhos de estúdio através de "Flashlight" música homónima a fazer de mote ao anuncio do trabalho em formato EP.

Flashlight segue assim o quinto trabalho de estúdio do produtor - The North Brothers (2013)- e é apresentado através de uma peça musical revigorante em formato electrónico. Beats com tonalidades garage, riffs viciantes e um baixo compulsivo envolvido pelos sintetizadores.

Flashlight tem data de lançamento anunciada a 1 de Dezembro pelo selo Ninja Tune.


Flashligt's Tracklist:

1 - "Flashlight"
2 - "Pelican"
3 - "Return To Air"

+

Vodafone Mexefest avança mais quatro nomes nomes


A organização do Vodafone Mexefest acaba de lançar mais quatro nomes para o cartaz do maior evento a acontecer em Lisboa entre 28 e 29 de Novembro. O número de confirmações passa pelas habituais quatro desta vez a destacar-se Éme, Bristol, Palma Violets e Savanna.

Os quatro nomes juntam-se asssim aos já confirmados Perfume Genius, St.Vincent, Sharon Van Etten, Tune-Yards, Capicua, Cloud Nothings, Adult Jazz, The Fresh & Onlys, Tiago Iorc, Modernos, Deers, JJ, I Break Horses, Throes + The Shine, Duquesa, Kindness, Johanna Glaza, Shura, Meu Kamba Soundsystem, Sinkane, Sensible Soccers e Curtis Harding.






+

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Belle and Sebastian apresentam capa do novo trabalho

Há alguma semanas atrás anunciámos que os escoceses Belle and Sebastian tinham um novo álbum de estúdio para lançar em 2015, intitulado Girls in Peacetime Want to Dance. Entretanto a banda mostrou a capa do seu nono álbum de estúdio (em cima) e as músicas que nele estarão incluídas (em baixo). Com lançamento agendado para 19 de Janeiro de 2015, as canções do novo álbum foram produzidas e misturadas por Ben H. Allen III, o qual já trabalhou com Animal Collective e Gnarls Barkley. O novo trabalho será editado em formato disco duplo.

Girls in Peacetime Want to Dance:
01 Nobody's Empire
02 Allie
03 The Party Line
04 The Power of Three
05 The Cat with the Cream
06 Enter Sylvia Plath
07 The Everlasting Muse
08 Perfect Couples
09 Ever Had a Little Faith?
10 Play for Today
11 The Book of You
12 Today (This Army's for Peace)

Enquanto esperam, ouçam um dos melhores tema da banda de Glasgow:

+

STREAM: AnD - Cosmic Microwave Background


AnD é o duo que junta Andrew Bowen e Dimitri Poumplidis que disponibilizam hoje o seu novo álbum Cosmic Microwave Background, que diga-se já, é um álbum genial para os amantes do techno e não só. O álbum capta assim o equilíbrio certo entre a dissonância pesada e grooves do movimento corporal através da combinação de materiais experimentais.

Cosmic Microwave Background é editado a 18 de Outubro pelo selo Electric Deluxe, e pode ser ouvido ali em baixo.




+

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

STREAM: Thurston Moore - The Best Day


The Best Day é o primeiro trabalho a solo de Thurston Moore em três anos, e o primeiro álbum após a ruptura dos Sonic Youth.O álbum traz assim o melhor de Thurston Moore, num rock expansivo com traços marcadamente punk. 

The Best Day é editado a 21 de Outubro via Matador Records e pode ser ouvido na íntegra ali em baixo. 


+

Noel Gallagher anuncia novo álbum para 2015


Noel Gallagher, ex-líder dos Oasis, anunciou hoje que vai lançar um novo álbum em 2015. "Chasing Yesterday" estará disponível dia 2 de março de 2015 e conta com a presença de Johnny Marr, ex-guitarrista dos Smiths.

O primeiro single do álbum, "In The Heat Of The Morning" já pode ser ouvido aqui.


Tracklist:

'Riverman'
'In The Heat Of The Moment'
'The Girl With X-Ray Eyes'
'Lock All The Doors'
'The Dying Of The Light'
'The Right Stuff'
'While The Song Remains The Same'
'The Mexican'
'You Know We Can't Go Back'
'Ballad Of The Mighty I'


+

domingo, 12 de outubro de 2014

Vídeos da Semana #24


Mais uma semana, mais cinco vídeos. Mais uma vez, depois de uma pausa, a rubrica dos vídeos da semana está de volta para mostrar um pequeno apanhado das coisas que foram sendo lançadas, mas que, de certa forma, acabaram por não ser divulgadas por nós. Com Royal Blood, Broken Bells, Kid Wise, Carne Doce e Wet, escolhas não faltam. É ver!

1 - Royal Blood - "Ten Tonne Skeleton"


2 - Broken Bells - "After The Disco"


3 - Kid Wise - "Forest"


4 - Carne Doce - "Amigos dos Bichos"


5 - Wet - "Don't Wanna Be Your Girl"


+

Reportagem: Swans [Fri-Son - Suíça]




Depois de ter visto Swans no Primavera 2013, fui revê-los no passado dia 7 ao Fri-Son, na Suíça. A banda anda em tour a promover o novo álbum “To Be Kind” (embora só toquem duas músicas do mesmo), um dos melhores do ano, com Pharmakon a abrir para eles.

 

Apesar de Pharmakon ter subido ao palco com uns 20 minutos de atraso, a sala ainda estava pouco cheia, e a pouca gente que já tinha chegado estava longe do palco, o que fez com que Margaret Chardiet descesse do palco para vir gritar as letras das duas ou três músicas que tocou na nossa cara. Um bom concerto da jovem americana que só peca por ter sido demasiado curto.

 Por volta das 22h, Thor Harris subiu ao palco para dar ínicio a “Frankie M”, música que fará provavelmente parte do próximo álbum da banda. Depois de uma longa introdução de mais ou menos 10 minutos, o resto da banda sobe ao palco para dar continuação à musica. “Heroin, opium, Frankie M” são as palavras que Michael Gira vai repetindo por cima dos dois acordes do tema. De repente, quando ninguém o esperava, a música rebenta e o público começa a fazer headbang sincronizado, com algumas pessoas a tentar criar moche.

Depois foi a vez de meterem toda a gente a bater o pé ao ritmo da linha de baixo “A Little God In My Hands”, música do mais recente álbum da banda. A seguir tocaram uma versão diferente de “The Apostate”, música que se encontra no álbum de 2012, “The Seer”, na qual Michael Gira pôde mostrar os seus moves de dança à la Ian Curtis.

De seguida tocaram mais uma música nova, chamada “Don't Go”, seguida de “Bring The Sun”. A música foi crescendo até explodir e causar um caos completo em toda a sala.

Com um set de mais de duas horas, os Swans provaram o porquê de serem uma banda de culto. Um concerto agressivo sem regras nenhumas, que tanto podia repetir o mesmo acorde durante 5 ou 10 minutos como de repente explodir e criar um muro de som capaz de rebentar com os nossos tímpanos. Sem dúvida dos melhores concertos do ano.



Texto: Helder Lemos
Fotografia: Jeremy Küng

+

David Bowie com nova música


David Bowie estreou o seu novo single, "Sue (Or In A Season Of Crime)", na BBC Radio 6! O single irá fazer parte de Nothing Has Changed, uma compilação que será incluir algumas músicas nunca antes lançadas. A compilação será lançada no dia 18 de Novembro, um dia antes do single, que irá incluir o B-side "'Tis a Pity She's a Whore". Ouçam "Sue" aqui (ignorem o nome do vídeo):

+