terça-feira, 17 de março de 2015

Reportagem: O Abominável - Passos Manuel [Porto]


Na passada sexta-feira, 13 de Março, a banda O Abominável, que durante quatro anos nos tem proporcionado a sua música, deu o seu último concerto no Passos Manuel. Natural do Porto, este quinteto, formado por João Losa (guitarra), Rui Correia (bateria), Vítor Pinto (voz), Leonardo Rocha (guitarra) e David Félix (baixo), apresentaram o seu primeiro LP, intitulado por Enteléquia e, despediram-se igualmente dos palcos, para hiato. 
O grupo, que trouxe para palco da emblemática sala portuense nomes como Egar Correia dos Corona na Casa, Igor Ribeiro, mais conhecido como Ghetthoven, e Nelson Graf Reis dos We Bless This Mess, iniciou o concerto com alguns agradecimentos ("foram quatro anos muito bons, obrigada por fazerem parte disto") e prosseguiram com a canção “Enteléquia”, a primeira música do seu LP de apresentação com o mesmo nome. Energia, paixão, emoção, diversão e até romantismo, foram os elementos que estiveram sempre presentes em palco. Sempre de bom humor e comunicativo, é de realçar o vocalista da banda, Vítor Pinto, elemento que dedicou a quarta música (“Fleuma”) às mães dos integrantes da banda. Durante todo o evento este manteve uma postura bastante extrovertida e sempre com muita emoção, acabando por se tornar um pouco exagerado, mas proporcionando ainda assim, uma sensação de descontracção e sem arrependimento em ter passado assim o princípio da noite, no que foi possivelmente o último concerto desta banda portuguesa. 
O evento acabou com o primeiro single da banda intitulado "Nada Passa Sem Ficar", cantada na companhia dos convidados da banda. Estes jovens abandonam assim o mundo do espectáculo com a promessa de possíveis projectos em separado e na incógnita de um possível regresso. Até um dia Abominável.

SETLIST: 

Enteléquia 
Real Demais para Existir 
Sem Espanto à Espreita 
Fleuma 
Palavra do Eu 
Calíope 
Um Circo e Tu 
Corda 
Vamp 
Olhos Fechados 
Mónade 
Osso 
Rasto 
Nada Passa Sem Ficar

Reportagem: Catarina Vilaça 
Fotografia: Ana Carvalho

0 comentários:

Enviar um comentário