sábado, 5 de dezembro de 2015

Johan Rodrigues mostra novo single


O músico luso-sueco Johan Rodrigues acaba de partilhar um novo single que conta com a participação da violinista Maria Grigoryeva nos arranjos orquestrais e Evandro Amaro na braguinha, instrumento tradicional madeirense. Depois de 'Elephant Song', 'Here We Go' é o segundo single a saír do Ep Park que será editado a 28 de Janeiro de 2016. O tema está disponível para download gratuíto no Soundcloud e Bandcamp do artista.


+

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

ABBA são os primeiros convidados das noites Combustão Lenta, com curadoria da ZigurArtist


Pontapé de saída das noites Combustão Lenta no Desterro. Nestas noites curadas pela netlabel ZigurArtists, a música quer-se em baixa rotação e com um rumo assumidamente exploratório. Ao longo destas sessões (que irão decorrer uma vez a cada dois meses), serão abordados diferentes géneros, ora mais ora menos concretos - experimentar é palavra de ordem.


Para a primeira sessão, dia 5 de dezembro, convidámos o duo monolítico ABBA (anteriormente conhecidos por Barrio)Álvares), formado por Bernardo Álvares e Aude Barrio, que irá levantar o véu ao seu disco de estreia, que verá a luz do dia em 2016. A convite da dupla, Joana Guerra, Helena Espvall e veabis&tubbhead juntam-se a esta noite de exploração sónica.

ABBA é um constante exercício de mistura de frequências de contrabaixo e contrabaixo eléctrico num mesmo amplificador e construção de um drone fundido em dissonância. Não se esperem explosões de detritos mas antes uma conspiração vagarosa debaixo de terra a altas temperaturas.


+

A Winged Victory For The Sullen estreia-se em Portugal esta sexta no GNRation


Dustin O'Halloran e Adam Wiltzie formam os A Winged Victory For The Sullen. O primeiro ganhou um Emmy pela construção de uma banda-sonora, o segundo fundou os conceituados Stars of the Lid. Ambos fecham em grande o ano em Braga esta sexta-feira.

Dustin O'Halloran e Adam Wiltzie têm em mãos um dos mais belos projetos da atualidade da música contemporânea. A dança, pela coreografia de Wayne McGregor, levou-os a escrever o brilhante Atomos, o segundo e aclamado disco editado no ano passado onde consta o toque precioso de Ben Frost. E será com Atomos que assinarão um dos melhores concertos do ano já esta sexta-feira. 


O espetáculo é inserido no ciclo gnration@, ciclo com o qual se pretende dinamizar atividades culturais em locais emblemáticos da cidade e que desta leva a dupla ao Auditório Adelina Caravana do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga.

Os bilhetes custam 7€ e podem ser adquiridos através da bilheteira online – https://gnration.bol.pt –, locais habituais ou balcão gnration. 

+

Peixe:avião vão lançar novo álbum em Fevereiro


Os bracarenses Peixe:avião vão começar 2016 da melhor maneira com o lançamento do seu quarto álbum de estúdio, Peso Morto, em Fevereiro. A banda seguiu neste novo trabalho o mesmo caminho de exploração sonora e lírica que adotou no seu terceiro disco de estúdio homónimo editado em 2013, tendo fugido aos caminhos mais pop de Finjo a fazer de conta feito peixe : avião (2007), 40.02 (2008) e Madrugada (2010). 

Esse caminho exploratório de novas abordagens sonoras por parte da banda foi continuada com a composição de música original para o clássico Ménilmontant de Dimitri Kirsanoff, filme de 1929, após encomenda do Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema, com reposição no Teatro Maria Matos em Lisboa, tendo se relevado como uma experiência fundamental para a composição do novo trabalho.

O tema "Quebra" é por enquanto o único a ser conhecido de Peso Morto.


O quinteto vai também em fevereiro dar vários concertos de apresentação do seu novo trabalho:


+

Suuns, Black Mountains e Julianna Barwick confirmados no Tremor



O Tremor anunciou esta semana esta semana mais cinco grandes nomes que se vão juntar ao cartaz da 3ªedição. Depois da presença do Tremor no Le Guess Who? com Negra Branca e Lovers & Lollypops Soundsystem, numa parceria com o festival holandês e Belmont Booking, juntam-se agora ao cartaz os norte-americanos Black Mountain, pela primeira vez em Portugal, Julianna Barwick e os canadianos Suuns, que regressam ao nosso país depois da sua atuação colaborativa com Jerusalem in My Heart no Jameson Urban Routes.

Os portuenses Equations, responsáveis por Hightower, e os açorianos The Ultimante Love Gang foram também confirmados no Tremor, juntando-se a Capitão Fausto, Zeca Medeiros e Killimanjaro.






O festival realiza-se em Ponta Delgado de 15 a 19 de Março de 2016 e os bilhetes já se encontram à venda por 20€ até 15 de Março, fixando-se nos 25€ desse dia em diante.

+

Reportagem: Lower Dens [GNRation - Braga]


Há duas semanas atrás os Lower Dens vieram a Portugal apresentar o seu álbum mais recente, Escape From Evil, e nós estivemos no GNRation para assistir a este concerto. Os Fear Of Men eram a banda designada para inciar esta matiné mas, infelizmente, o seu concerto foi cancelado.




sala Blackbox encontrava-se bastante lotada com público de todas as idades e, como o preço dos bilhetes era bastante convidativo, muitos pareciam ter ido quase sem saber o que esperar deste concerto. Começando precisamente à hora marcada assistimos a Jana Hunter e a sua banda a entrar em palco começando a tocar "Sucker's Shangri-La", a primeira do novo álbum. Seguiu-se "To Die In L.A.", o single mais conhecido da banda em que, como guitarrista se encontrava ausente, usaram samples de guitarra, no fim da música Jana explicou que o guitarrista não esteve presente toda a tour por motivos pessoais e disse que este era o ultimo concerto antes de regressarem a casa. Os movimentos Jana quase faziam lembrar os de Ian Curtis em palco. "Ondine" e "Non Grata", dos melhores temas da banda, foram excelentes ao vivo e fizeram dançar todos os presentes na sala. "I Am The Earth" foi um dos melhores momentos deste concerto pois houve uma excelente combinação dos vocais com o instrumental impossível de deixar alguém indiferente e, no final da música, disseram que neste tour tinham combinada não fazer encore. Após tocarem todas as faixas de Escape From Evil ainda houve tempo para revisitar Twin-Hand Movement com "I Get Nervous" e Nootropics com "Brains". Antes de terminar o concerto agradeceram a toda a equipa de som e tocaram uma cover de "Maneater" de Daryl Hall e John Oates



Setlist
Sucker's Shangri-La
To Die In L.A.
You're Heart Still Beating
Electric Current
Non Grata
Batman
Ondine
Quo Vadis
I Am The Earth
Company
Société Anonyme
I Get Nervous
Brains
Maneater

+

José González no Nos Alive 2016



José González é a mais recente confirmação do festival NOS Alive. O artista sueco, que atuou na última edição do Nos Primavera Sound, passa pelo Passeio Marítimo de Algés no dia 9 de Julho, onde atuará no placo Heineken, juntando-se assim assim aos franceses M83 que atuarão no palco principal. A décima edição do festival Nos Alive realiza-se durante os dias 7, 8 e 9 de Julho no Passeio Marítimo de Algés, e os bilhetes já se encontram disponíveis.











+

Agenda: Bad Bonn, dezembro

Durante este mês de Dezembro, o Bad Bonn vai acolher os italianos Go!Zilla, uma das bandas mais promissoras actualmente no meio do garage-rock, Lena Willikens e a sua electrónica krauty, a mítica DJ Marcelle a passar música na noite de passagem de ano, e muito mais.

Confiram a programação completa abaixo:

Lena Willikens + Rotkeller + Antoine Lukac


04/12 - 21h30 - 25CHF
___________________________________ 

Avec Le Soleil Sortant De Sa Bouche + Domi Chansorn


07/12 - 21h - 20CHF
___________________________________

Egopusher + Manuel Troller


10/12 - 21h - 20CHF
___________________________________ 

Attack Vertical + Omophagia + Undead Vision


12/12 - 21h - 20CHF
__________________________________ 

Go!zilla + The Doorknobs


16/12 - 21h - 20CHF
___________________________________

DJ Marcelle + Xebeche DJ


31/12 - 22h - Grátis

+

Linda Martini editam novo álbum a 1 de Abril


A banda de rock portuguesa Linda Martini prepara-se para editar em 2016 o sucessor de Turbo Lento. Trata-se de Sirumba, o quarto álbum de estúdio da banda, com edição marcada para 1 de Abril, o qual tem estado a ser pré-produzido no estúdio HAUS, em Lisboa, seguindo para gravações finais em Janeiro.

Aguardado com muita expectativa, a banda solta uma única ideia sobre o novo disco:

Vou saltando quadrados até chegar ao outro lado, para depois fazer tudo de volta.
Policiado por mãos nervosas que tocam o ar, corro para fora de mim com fina precisão, evitando as linhas toscas desenhadas a giz no alcatrão.
Se ganhar serei de novo ladrão de passo altivo, por entre a autoridade resignada aos seus corredores estreitos.

E alguém grita Sirumba. E eu começo agora. De novo.

A apresentação do novo álbum acontece logo no dia seguinte, 2 de Abril, no Coliseu de Lisboa, onde a banda sobe pela primeira vez. Tem tudo para ser uma noite memorável para os fãs de umas das maiores bandas dos últimos anos em Portugal.

Por enquanto ainda não sabemos se a mais recente "Dez Tostões" fará parte de Sirumba, podendo recordá-la aqui, mas sabemos que o primeiro single chega em fevereiro.


Os preços dos bilhetes podem ser aqui consultados: 

Plateia Pé /Balcão/Galeria Pé - 12€
Camarotes 1ª Frente Imp 6 pax - 15€
Camarotes 1ª Frente Par 6 pax - 15€
Camarotes 1ª Lado Par 5 pax - 15€

Descontos:

Desc. Bilhete Duplo - 20€

Tendo presente que o grupo tem seguidores um pouco por todo o País, a CP e os Linda Martini juntam-se numa ação conjunta. Os fãs que adquirirem o bilhete para o Coliseu terá desconto de 30% na compra do bilhete da CP de qualquer parte do País.

+

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Cinco Discos, Cinco Críticas #11

Astrodome // Ya Ya Yeah // novembro de 2015
7.0/10

Formados em 2014 e depois de se mostrarem com uma das bandas revelação desse ano para a TM, os Astrodome estão agora de regresso com o primeiro longa duração, homónimo, que conta com a regravação de três singles da demo editada  o ano passado e com outros três singles inéditos num total de seis canções com uma duração aproximada de 70 minutos. Numa sonoridade rotulada de heavy psych o quarteto portuense apresenta nesta estreia uma exploração muito afincada da conjugação do som resultante de "baixo-bateria-guitarras" à sonoridade independente de cada instrumento, conduzindo o ouvinte a uma viagem tropical (ouvir "Coronation"). No entanto, no geral, Astrodome não apresenta um elemento inovador na sua sonoridade limitando-se a explorar o stoner rock à semelhança de uns Colour Haze e/ou Stoned Jesus. Apesar do anteriormente referido é de denotar a presença de construções bastante interessantes e próprias, nomeadamente em "Through the Black Hole", do minuto 2.52 ao minuto 5.30. Um disco expectável mas não previsível.
Sónia Felizardo



Global Chakra Rhythms // Infinity Cat // novembro de 2015
7.0/10

O duo de Nashville, JEFF The Brotherhood, traz-nos este mês um álbum que é uma verdadeira trip de ácidos.
Após largarem side-projects, decidem então lançar Global Chakra Rhythms, um álbum que mistura influências tanto de psych rock, krautrock e fuzz rock. Começa-se o álbum com uma faixa que por momentos nos faz lembrar ritmos de outros tempos, a faixa “Global Chakra Rhythms” é o alinhamento dos chakras para uma longa viagem, com travessias por “Deep Space Bound On The Edge of Reality” uma malha tremenda, em que podemos fechar os olhos e imaginar a grandiosidade do universo ou até ficar pelo deserto com “Pillars of Creation”. Como primeiro álbum, ainda vemos que muito pode melhorar mas vemos também que os irmãos de Nashville encaixam como uma luva dentro do psicadélico.


Duarte Fortuna



新しい日の誕生// Dream Catalogue // janeiro de 2015
8.4/10

2814  é um duo formado em 2014 por t e l e p a t h テレパシー能力者 Hong Kong Express, este último um dos fundadores da editora Dream Catalogue新しい日の誕生, o seu segundo álbum, é a banda sonora ideal para uma noite chuvosa numa cidade futurista de um universo cyberpunk. As músicas são uma mistura excelente de música ambiente com vaporwave, onde as repetições e as várias camadas de sons criam uma atmosfera muito agradável que combina perfeitamente com a capa do disco. Canções como "真実の恋" e "恢复" são duas das melhores de um conjunto de oito, onde a sonoridade se mantém muito coerente do início ao fim, mas sem se tornar repetitiva. 新しい日の誕生 é provavelmente um dos melhores discos de vaporwave já lançados, e é, sem dúvida, um dos álbuns mais interessantes de 2015.

Rui Santos


Demonstrated // Self released // outubro de 2015
7.5/10


Grainy Detours é o projecto a solo de Miguel Almeida, guitarrista e vocalista dos Eat Bear, que, no passado mês de Outubro, se estreou com Demonstrated, um EP que, tal como o nome indica, é um conjunto de demos. O disco começa com “Blood Shifter”, uma faixa em que a guitarra tem um papel essencial e é a mais dançável deste EP. Segue-se “Long Legs Don’t Always Make You Tall” um título que facilmente pertenceria a uma música do Noiserv mas que nada tem a ver com este artista, uma música bastante energética e com um refrão muito catchy que fica na cabeça durante vários dias, sendo provavelmente o melhor tema deste registo. “Bring The Roars Back To You” é a música que mais se assemelha a Eat Bear não só no instrumental mas também nos vocais. O EP termina com “Barely Hills”, um tema que passa um pouco despercebido por não ser tão bom como os anteriores. Demonstrated é um bom EP que, apesar de transmitir uma boa impressão sobre este projecto, peca por ser curto. Com isto, Miguel, marca o seu lugar na música e deixa-nos à espera de mais.

Francisco Lobo de Ávila

Wiped Out!// Columbia //outubro de 2015 
9.0/10 


Depois de trinta literais segundos de silêncio, o quinteto californiano liderado por Jesse Rutherford começa o seu segundo álbum de longa duração com “Prey”, demonstrando logo de início que os temas explorados pela banda continuam os mesmos; depressão, ansiedade, dúvida e a difícil transição de adolescente para jovem adulto. No entanto, com as próximas canções, é claro que o som do grupo mudou significativamente, com as influências hip-hop e R&B do vocalista a mostrarem-se claramente em temas como “R.I.P 2 My Youth”, “Ferrari” ou “Wiped Out!”, o que define The Neighbourhood como mais do que uma banda de rock alternativo. A melancolia característica da banda, e especialmente deste álbum, torna-o o perfeito soundtrack para uma tarde chuvosa de domingo. Apesar de não existir nenhum hit como “Sweater Weather” presente em Wiped Out!, este não deixa de ser um trabalho extremamente bem produzido, muito consistente e com letras bastante interessantes que por vezes chegam levemente ao mórbido, especialmente na última faixa do álbum. Um projeto muito bem conseguido onde a banda parece finalmente encontrar o seu som, quase uma espécie de Lana Del Rey com qualidade e menos “Daddy Issues”. 

Márcia Boaventura

+

The National e Kurt Vile são as primeiras confirmações do 22º Super Bock Super Rock


O festival que ainda há pouco tempo se realizava no Meco, mas que agora se fixou no Parque das Nações, já tem novidades para a sua 22ª edição. São elas os The National, banda norte-americana liderada por Matt Berninger que gosta bastante do nosso país, e Kurt Vile, também norte-americano que no passado mês passou pelo Armazém F, Lisboa, para apresentar o mais recente b'lieve i'm going down...

Recentemente Matt Berninger, que anda em tour com o seu projeto paralelo com Brent Knopf,  EL VY confirmou numa entrevista que o próximo álbum dos The National não seria editado em 2016 mas que tocariam novas músicas em concertos. 

Ambas as bandas vão atuar dia 14 de julho, sendo que os The National tocam no Palco Super Bock e Kurt Vile no Palco EDP.


+

King Krule lança álbum e livro na próxima semana em projeto paralelo


Depois de na semana passada ter revelado estar a trabalhar num novo projeto, Archy Marshall, aka King Krule anunciou agora  o resultado sob o formato livro de 208 páginas - A New Place 2 Drown - que documenta a sua vida social, ao lado da do seu irmão Jack, no sul de Londres. O livro vem acompanhado de uma soundtrack de 12 canções que representam o primeiro material inédito de Archy Marshall nos últimos dois anos, bem como de um documentário com cerca de 37 minutos de duração. 

Recorde-se que o álbum de estreia de King Krule6 Feet Beneath the Moonfoi editado em 2013. A New Place 2 Drown (livro + álbum + documentário) têm data de edição prevista para 10 de dezembro 


A New Place 2 Drown Tracklist:
1. Any God of Yours 
2. Swell 
3. Arise Dear Brother 
4. Ammi Ammi 
5. Buffed Sky 
6. Sex With Nobody 
7. Eye’s Drift 
8. The Sea Liner MK 1 
9. Empty Vessels 
10. New Builds 
11. Dull Boys 
12. Thames Water

+

Castello Branco toca em Bragaça e Vila Real a 4 e 5 de Dezembro



Nos últimos anos, Castello Branco emergiu na música brasileira como um dos maiores talentos da sua geração. Com Serviço, editado em 2014, Castello Branco assinou um conjunto de canções em que parte dos ensinamentos da música tradicional brasileira para obter algo apenas seu, com um olhar necessariamente espiritual e curioso. 



Em vésperas de lançar o seu segundo disco de originais, Castello Branco regressa a Portugal para, desta vez com banda, apresentar o seu disco de estreia, assim como algumas das suas novas canções, tendo passado no último fim de semana pelo Vodafone Mexefest.

Os concertos são organizados pela promotora Dedos Bionicos e terão lugar no Museu do abade de Baçal em Bragança (5€ com reserva – 6€ no dia) e no Club de Vila Real em Vila Real (5€), nos dias 4 e 5 de Dezembro, respetivamente.


+

[STREAM] Sunn O))) - Kannon


A banda norte-americana Sunn O))) vai editar um novo álbum de estúdio no próximo dia 4 de dezmbro via Southern Lord, sucedendo os álbuns colaborativos com os Ulver e Scott Walker editados em 2014. 

Kannon, também conhecido como o deus budista da misericóridoa, foi produzido por Randall Dunn, responsável também pela produção de Altar (2006) e Monoliths and Demolitions (2009), e conta com as colaborações de Attila Csihar (Void), Oren Ambarchi, Rex Ritter e Steve Moore.

Kannon já se encontra disponível na íntegra para audição gratuita no Soundcloud.

+

Frustration são a nova confirmação do Entremuralhas 2016


Os Frustration são o segundo nome a juntar-se ao cartaz da sétima edição do Festival Entremuralhas 2016. A banda de pós-punk francesa, que esteve pela última vez em Portugal em 2008, no Drop Dead Festival, regressa agora para se estrear no Entremuralhas ainda com dia e palco a confirmar. 

Os Frustration formaram-se em 2002 e rapidamente conseguiram impressionar os melómanos mais atentos, mercê de músicas que pareciam sublimar e fundir num só, o espírito, a toada e o âmago de grupos como os pré-Joy Division - Warsaw, os próprios Joy Division, os pré-Death In June - Crisis, ou mesmo os Killing Joke e os The Fall nas suas fases mais seminais.

A sétima edição do Entremuralhas 2016 decorre entre 25 a 27 de agosto no Castelo de Leiria. Já confirmados encontram-se os italianos IANVA.


+

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Animal Collective revelam primeiro single de "Painting With"

        

Os americanos Animal Collective estão de regresso aos discos. O sucessor de Centipede Hz, de 2012, tem data marcada para dia 19 de Fevereiro e terá como nome Painting With, que contará com contribuições de John Cale, dos Velvet Underground. Para além de revelarem a capa (em cima) e a tracklist do novo álbum, foi também revelado o primeiro single, "FloriDada", que podem ouvir em baixo:


Tracklist:

FloriDada
Hocus Pocus
Vertical
Lying In The Glass
The Burglars
Natural Selection
Bagels in Kiev
On Delay
Spilling Guts
Summing The Wretch
Golden Gal
Recycling

+

Father John Misty no NOS Alive 2016


O cantuator que arrasou corações na última edição do Festival Paredes de Coura vai regressar ao nosso país em 2016. Father John Misty vai atuar a 8 de Julho no NOS Alive, no Palco Heineken. Josh Tillman vai até Algés mostrar os aclamadas I Love Your Honeybear, editado este ano, e Fear Fun, de 2012.

+

domingo, 29 de novembro de 2015

Reportagem: Captain Boy [Armazém do Chá - Porto]


No passado sábado fomos ao Armazém do Chá, Porto, assistir a um concerto de Pedro Ribeiro mais conhecido como Captain Boy, um músico vimaranense descoberto, essencialmente, através do Tradiio que também já tocou, este ano, no Super Bock Super Rock.

Apesar do concerto ter tido um atraso de quase uma hora a sala de concertos do Armazém do Chá não estava muito composta, o que nos incomodou um pouco pois este artista merecia um público maior. Começou o concerto com "Intro" a primeira música do seu EP e a sua voz cativou-nos imediatamente. Segue com "Drunk Man in a Bar", uma das suas músicas mais conhecidas. Enquanto para a música seguinte junta-se um guitarrista e um baterista, que o acompanharam até ao fim do concerto, saúda-nos com toda a sua boa disposição e simpatia. "Bijou" a música inspirada num café barcelense, é uma das nossas preferidas e gostaríamos que saísse brevemente como single. 

Pequenos intervalos entre as músicas, para fazer uma explicação da música seguinte ou piadas, são frequentes. Depois de falar um bocado sobre Johnny Cash faz uma cover de "Folsom Prison Blues" sendo este o momento em que nos deu mais vontade de dançar. O ambiente era bastante familiar, o que nos agradou, e dedica "Home" à namorada. Seguiu-se "Honey Bunny", uma música inspirada nos filmes de Quentin Tarantino. O concerto acabou da melhor maneira com a última música do EP, "Sad Blues", que foi a música do mês no Tradiio, em Junho. 


Setlist:
Intro
Drunk Man in a Bar
Diana 
Bijou
Folsom Prison Blues
Home
Honey Bunny
Diablo
Sad Blues

+

Craft Spells estreiam-se esta sexta-feira no Porto


Os norte americanos Craft Spells estreiam-se já na próxima sexta-feira, 4 de dezembro, em território nacional, para um concerto único a ter lugar no Hard Club, Porto. A banda traz na bagagem o seu mais recente longa duração, Nausea, editado o ano passado, bem como o mais recente single "Our Park by Night". A primeira parte ficará a cargo dos vimaranenses Toulouse a darem o primeiro concerto  com nova formação. Os concertos, com lugar na Sala 2, têm início marcado para as 22h00.

Os bilhetes, que já se encontram disponíveis para venda na bilheteira do Hard Club, poderão ser adquiridos por um preço de 10€. Os bilhetes adquiridos no dia do concerto terão um preço de 12€.


+