quarta-feira, 9 de março de 2016

MONITOR fecha cartaz. Seis projetos atuam no Beat Club em maio


O Monitor, evento de cariz único descrito como um rendez-vous internacional de Minimal Wave e Post-Punk estreia-se a 28 de maio de 2016, no Beat Club em Leiria, pelas mãos da conceituada Fade In - a associação cultural sem fins lucrativos responsável pelo festival Entremuralhas. Depois de revelado o primeiro nome - a dupla Peine Perdue - a organização avançou esta segunda-feira com os restantes cinco nomes a integrarem o cartaz e mais cinco estreias em Portugal: Madmoizel, Mensch, Tisiphone, Luminance e Xarah Dion.

No total há seis nomes a subirem ao Beat Club que nunca aterraram em terras portuguesas, portanto para além de um evento único é uma oportunidade única para ver uma meia dúzia de projetos emergentes na cena da minimal wave e do post-punk. Todas as informações relacionadas com as bandas pode ser consultada abaixo.

Os horários de atuação por banda ainda não foram divulgados mas os bilhetes já podem ser adquiridos por um preço simbólico de 20€. No próprio dia os bilhetes têm um valor de 25€. Os bilhetes com compra antecipada podem ser adquiridos na loja Alquimia.


Pontualmente glaciar e predominantemente exuberante MADMOIZEL é uma expressiva artista e performer que mistura os beats dos anos 80 com sequências eletrónicas sofisticadas às quais acrescenta vocalizações empolgantes, como se de uma diva punk se tratasse. Senhora de uma sonoridade onde podemos encontrar referências a David Bowie, Nina Hagen, Laurie Anderson, Kate Bush ou New Order.




O lema das francesas MENSCH é “dance and die!”. Na sua estreia em Portugal a dupla traz o recomendado e mais recente álbum Tarifa, mas no local onde vão atuar já há muitos anos que roda "Kraut Ever", um emblemático tema bem representativo do krautrock, new-wave e post-punk que distingue esta banda entre as demais.




Os gauleses TISIPHONE são uma das grandes surpresas de 2016. O trio é detentor de uma sonoridade rítmica peculiar (a vocalista toca, em pé - uma bateria desprovida de bombo - que é tocado, ao lado, pela baixista) onde podemos encontrar influências da coldwave de uns Clair Obscur, da dicotomia masculina/feminina com nuances que evocam uns Sleeping Dogs Wake, ou do revivalismo post-punk de umas Savages.




LUMINANCE é o extraordinário projecto synthpop/coldwave sediado na Bélgica, obra de DA, o guitarrista dos franceses Soror Dolorosa – colectivo que actuou em Leiria no Entremuralhas 2013. Nas suas composições podemos encontrar a colaboração de Darin Huss (dos lendários Psyche) ou de Kristoffer Gripp dos Agent Side Grinder.





A canadiana XARAH DION é a habitual parceira de Marie Davidson nas Les Momies de Palerme (que editam na Constellation, a casa de Godspeed You Black Emperor, Silver Mt Zion, etc). Enquanto Davidson anda ocupada nos Essaie Pas – a mais recente contratação de James “LCD Soundsystem” Murphy para a sua editora DFA Records - Xarah Dion estreia-se em Portugal para mostrar no MONITOR a sua música synthpop minimalista de teor intimista.