segunda-feira, 2 de maio de 2016

Söndörgő visitam a Culturgest a 13 de maio


Os húngaros Söndörgő, mais que uma banda, são uma família que toca música junta. Formada por três irmãos, um primo e um amigo do tempo do liceu, o projeto nasceu numa pequena cidade perto de Budapeste com uma longa tradição sérvia. Praticam a música tradicional dos eslavos do Sul, sérvios e croatas, que permanece viva em pequenas comunidades da Hungria, a maior parte delas isoladas e instaladas ao longo do Danúbio.

Em contraste com a música popular húngara mais conhecida, em que o violino é o instrumento central, os Söndörgő, respeitando a tradição, usam o tambura, uma espécie de bandolim provavelmente de origem turca e característico dos sérvios e croatas. A música é de uma extrema beleza e os membros dos Söndörgő exímios executantes, juntando um enorme respeito pela tradição a uma capacidade técnica perfeita. 

Até agora lançaram dois discos, Tamburising : Lost Music of the Balkans em 2011 e o segundo, Tamburocket : Hungarian Fireworks, em 2014. Aclamados por revistas especializadas como a Songlines Magazine, os dois discos fecharam 2011 e 2014 com presenças em várias listas de melhores álbuns de world music. Têm percorrido a Europa em festivais e concertos. 

A Culturgest persiste em dar a conhecer ao público música tradicional magnífica, quase desconhecida no nosso país. O concerto está marcado para as 21h30, no dia 13 de maio, no Grande Auditório da Culturgest. O preço dos bilhetes é 18€, sendo que para jovens até aos 30 anos e desempregados é 5€.