sexta-feira, 14 de julho de 2017

Steve Hauschildt, Visible Cloaks, Karen Gwyer e Blessed Initiative são as últimas confirmações do festival Semibreve


O Semibreve anunciou hoje os nomes que encerram o cartaz da sétima edição do festival bracarense dedicado à música eletrónica e arte digital. Steve Hauschildt, Visible Cloaks, Karen Gwyer e Blessed Initiative são os nomes que completam o certame que contava já com nomes como Gas, Laurie Spiegel, Fis, Deathprod, entre outros. 

Steve Hauschildt (na foto), membro da seminal banda Emeralds entre 2006 e 2013, conta já com mais de uma dezena de discos em nome próprio por editoras aclamadas como a Kranky e Edition Mego. Strands, o mais recente longa duração de Steve editado em 2016, servirá como mote de apresentação para o concerto a decorrer em Braga.

Visible Cloacks é a dupla composta por Spencer Doran e Ryan Charlile. Oriundos de Portland, Oregon, editaram o mais recente Ressemblage via RVNG em fevereiro de 2017, disco que incorpora diversos instrumentos virtuais de modo a criar uma ideia de pan-globalismo através da simulação digital, formando um organismo vivo de experiência sensorial através de cores e sons. Ao vivo estarão acompanhados pela artista digital Blenna Murphy, autora dos vídeos de Reassamblage.


Karen Gwyer nasceu no sul dos Estados Unidos, e encontra-se agora sediada em Londres. As suas performances ao vivo caraterizam-se pelo uso predominante do analógico e por vibrações hipnóticas e melódicas, carregadas de baixos techno e uma psicadélia ácida e diversificada. A Braga irá apresentar Rembo, disco com selo Don´t Be Afraid.


Blessed Initiative é um projeto de Yair Elazar Glotman, músico e artista sonoro sediado em Berlim que apresentará em Braga o mais recente disco homónimo, cujas peças foram formadas por sons gerados gerados no sistema KYMA, gravações pessoais foley, assim como técnicas de manipulação de fita, inseridos em estruturas rítmicas idiossincráticas, por vezes integrando reverb e câmaras de eco aumentadas.


O festival Semibreve decorre em Braga durante os dias 27, 28 e 29 de Outubro no Theatro Circo, Casa Rolão e Gnration. Relembra-se ainda que estão a decorrer as candidaturas ao EDIGMA SEMIBREVE AWARD, prémio internacional para trabalhos no domínio da arte digital. As candidaturas terminam a 31 de julho. O vencedor garantirá um prémio monetário de 2500 euros e apresentará o seu trabalho no festival.


0 comentários:

Enviar um comentário