terça-feira, 12 de setembro de 2017

A temporada de outono da Ya Ya Yeah é só coisas boas


A promotora e selo Ya Ya Yeah está de regresso aos eventos e, para a temporada deste outono, traz a solo leiriense e como principais atrações os concertos dos britânicos e históricos The Telescopes, do nova-iorquino Fai Baba (que passou recentemente pelo Rodellus com live band), dos japoneses Sundays & Cybele (uma estreia absoluta em território nacional) e dos holandeses The Mauskovic Dance Band (projeto do baterista de Jacco Gardner). Além destes quatro nomes internacionais, há ainda mais quatro bandas portuguesas que farão a abertura dos concertos:  Me and My Brain, The Miami Flu, Daniel Reis e Obaa Sima, respetivamente. Todos os concertos desta nova  temporada de outuno ocorrerão no Texas Bar, em Leiria, tendo início previsto a 10 de outubro. A informação adicional segue abaixo anexada.

10 de outubro | Texas Bar | 21h30 | 6€
The Mauskovic Dance Band + Obaa Sima

The Mauskovic Dance Band é a aventura musical de Nicola Mauskovic (baterista de Jacco Gardner), que decidiu fechar-se em estúdio, alguns meses, com vários amigos a apalpar experiências e novas ideias até transformar todo o trabalho, neste projeto. O resultado: afrobeat à 70s, cumbia e todo um som hipnótico capaz de provocar a dança mais balançada e sentida. Têm agitado as melhores festas e salas de concertos da Europa e chegam a Leiria para apresentar a sua estreia nas edições com o 7" Repeating Night / Weather com selo Les Disques Bongo Joe.
Os Obaa Sima, que estão encarregues da abertura, são a exploração inebriante de synths e várias máquinas por Luís Jerónimo e Hugo Domingues (membros de Nice Weather For Ducks).


3 de novembro | Texas Bar | 22h00 | 7€

Os The Telescopes são um marco notável da música alternativa da década de 90 e um nome extremamente influente para qualquer banda com referências psych, noise, drone ou experimental. Influenciados por  nomes como Suicide, The Velvet Underground e The 13th Floor Elevators, começaram por fazer tours ao lado de bandas como Spacemen 3, Primal Scream ou The Jesus and Mary Chain tendo rapidamente ganho destaque entre a comunidade da música. Separar-se-iam em 1992, ao segundo disco, para um regresso em 2002 com Third Wave e liderança fiel de Stephen Lawrie (apesar da sua formação não fixa). A Leiria, e à quarta vez em solo nacional, apresentam o novíssimo LP As Light Return.  
Os Me and My Brain são dois - um explorador munido de beats de outros mundos e um navegador de teclados cantados - que embarcam numa viagem cósmica por territórios enigmáticos e paisagens tarkovskianas.


19 de novembro | Texas Bar | 21h30 | 7€

Da pop à psicadelia, Fai Baba é, notavelmente, dono de algumas das mais estimáveis canções da corrente época. O LP Sad and Horny (2016) tem vindo a ser apresentado pelas salas e festivais de maior prestígio da Europa e chega a Leiria a 19 de novembro, ao Texas Bar, numa digressão em formato banda de promoção do novo single "Can't Stop Loving You". Assinalável é ainda a sua actuação na KEXP, que despertou uma enorme atenção pelo seu trabalho e é mesmo apontada como uma das melhores assinadas pela estação em 2017 (podem ver aqui).
Os The Miami Flu - projecto de Pedro Ledo e Tiago Sales (ambos ex Lululemon) - estreiam-se em Leiria para apresentar o LP Too Much Flu Will Kill You. O concerto promete percorrer o universo do psicadelismo dos anos 60 e 70, onde a influência dos videojogos retro confere aos temas uma componente pop que nos remete para gloriosos palcos e estúdios dos anos 80 e 90. 


28 de novembro | Texas Bar | 21h30 | 7€

A sonoridade do quarteto japonês Sundays & Cybele シベールの日曜日, formados em 2004 pelo multi-instrumentista Kazuo Tsubochi, é a combinação única e perfeita do psych, prog e kraut-rock. Da casa de nomes como Kikagaku Moyo / 幾何学模様 ou Minami Deutsch / 南ドイツ, (Guruguru Brain), chegam a Leiria em estreia absoluta no país para apresentar o LP Chaos & Systems (2017), com selo da norte-americana Beyond Beyond is Beyond.
Daniel Reis é natural da Marinha Grande, e um dos raros tocadores do misterioso handpan. A sua performance promete conduzir a ambiente único graças à sua mestria em produzir os sons mais mágicos que podem ser retirados do fascinante instrumento.



Atenção que as boas notícias não se ficam por aqui. A Ya Ya Yeah promete que ainda há mais artistas por anunciar e vai oferecer entradas aos leitores mais atentos. Sigam tudo em primeira mão na página de Facebook oficial da promotora, ou aqui.


0 comentários:

Enviar um comentário