quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Liars, Oddisee, Ermo e Hinds nas novidades do Mexefest

vodafone-mexefest-liars-ermo-oddisee-hinds-iamddb-liniker

Mais meia dúzia de confirmações na últimas semanas para a edição de 2017 do Vodafone Mexefest. Primeiro foram confirmados Liars, Iamddb. e os brasileiros Liniker e os Caramelows. Seguiram-se uma semana e tal mais tarde nomes como Hinds, Oddisee e Ermo.

Liars, agora apenas com Angus Andrew, vem ao nosso país uma vez mais mostrar porque é considerado um dos projetos mais inovadores das últimas duas décadas. Na bagagem traz TFCF, editado em 2017.


Liniker e os Caramelows vêm de São Paulo, e é um dos projetos mais estimulantes da atual música brasileira.  Remonta, editado em 2016, é o disco de estreia onde espaço para MPB, muita soul e referências que vão desde Tim Maia até às mais improváveis baladas latinas, passando pelo inevitável Ney Matogrosso, fazem deste registo um verdadeiro acontecimento. 

Motivada por uma cena musical que fervilha em Manchester, Iamddb. não tem parado de criar.  Empenhada em juntar jazz às batidas trap que domina com mestria, e cada vez mais interessada nas suas raízes angolanas, esta jovem de Manchester tem nomes como Jimmy Dludlu e Lianne La Havas na sua lista de referências. 

Oddisee é um dos músicos mais produtivos dos últimos dez anos: mixtapes, discos, colaborações e muitos outros trabalhos enquanto produtor atestam a sua prodigiosa ética de trabalho. Interventivo como poucos, Oddisee aborda temas como as desigualdades sociais e de género, ou a islamofobia. Em 2017, lançou The Iceberg, onde o jazz é a base de todo o trabalho, mas também há soul, funk, disco.

Os Ermo são António Costa e Bernardo Barbosa e chegam a 2017 com um dos discos mais arriscados e aclamados de 2017. Depois de editarem em 2013 o aclamado Vem Por Aqui, aventuraram-se por novos caminhos experimentais, dos quais resultou Lo-Fi Moda. Mais uma vez, a crítica rendeu-se ao talento do duo bracarense, tendo recebido a cotação de cinco estrelas pela Blitz e pelo Expresso.


Os espanholas Hinds também estão de regresso a território nacional, após passagens por Paredes de Coura (2015) e Musicbox (2016). O quarteto feminino vem apresentar o seu rock de garagem, lo-fi, direto ao assunto, com carisma e descontração em doses elevadas. Leave Me Alone é o seu álbum de estreia e foi editado no ano passado. 

0 comentários:

Enviar um comentário