quarta-feira, 7 de março de 2018

A spoken-word de Lydia Lunch em data única no Sabotage


Lydia Lunch sempre foi uma autodidata e acima de tudo uma revolucionária. Considerada a rainha da no wave, movimento artístico underground que nasceu na década de 70 em Nova Iorque, Lydia Lunch não se deixa empacotar apenas no campo da música. A escrita, essencialmente na área da poesia, a fotografia, o cinema e a spoken-word são várias das artes que preenchem o currículo da artista que já colaborou com figuras e projetos de renome como Nick Cave, Sonic Youth, Einstürzende Neubauten e Michael Gira

Depois de ter passado em data única na edição de 2017 do Festival Forte, a artista estado-unidense atua agora no próximo dia 17 de março no Sabotage Club, acompanhada pelo produtor e percussionista Weasel Walter, para apresentar os discos Urge To Kill (2015) e Brutal Measures (2016), num concerto agendado para as 22h30.


O concerto de Lydia Lunch terá abertura do duo franco-italiano pUTAN cLUB, uma unidade de resistência, distinguida por uma forma de ação próxima às primeiras conspirações dos partidários europeus, durante a última guerra mundial. As entradas têm um preço de 15€ em pré-venda e de 18€ no próprio dia. Todas as informações adicionais podem ser encontradas aqui.


0 comentários:

Enviar um comentário