quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Fotogaleria: The Fresh and Onlys [Maus Hábitos, Porto]



Foi na passada quinta-feira, dia 13 de setembro, que os Fresh & Onlys de Tim Cohen se estrearam no norte de Portugal com um concerto no Maus Hábitos, sendo que a banda tocou no Texas Bar em Leiria no dia anterior. No ativo desde 2008, os Fresh & Onlys estiveram na génese do movimento da nova vaga de garage rock que surgiu em San Francisco no final da primeira década deste milénio. Lado a lado com os Oh Sees, o Ty Segall, os Sic Alps e muitos outros, os Fresh & Onlys partilhavam não só do mesmo espaço geográfico, mas também das mesmas influências: uma aura de psicadelismo dos 60’s através de bandas como os Grateful Dead e os Jefferson Airplane (que se viriam a tornar nos Jefferson Starship) e a ethos do punk dos 80’s através de bandas como os Crime (criados pelo recém-falecido Johnny Strike e por Frankie Fix) e os Flipper. Quem começou a cartografar este território musical foi Greg Gardner, que em 2010 trabalhava no Amoeba e teve a oportunidade de compilar os temas desta nova vaga de bandas no álbum In A Cloud - New Sounds From San Francisco. Desde esta compilação, os Fresh & Onlys lançaram um par de EPs e 3 discos e continuam a destilar o seu rock com influências de garage mas também de psicadelismo lo-fi. Os dois concertos de estreia em território português dos Fresh & Onlys foram ambos organizados pela Ya Ya Yeah e tiveram como mote a apresentação ao vivo de Wolf Lie Down, o mais recente disco dos californianos, editado via Sinderlyn (uma editora paralela da Captured Tracks) no ano transacto. Abaixo ficam as fotos da suada estreia dos Fresh & Onlys na cidade do Porto.



The Fresh and Onlys [Maus Hábitos, Porto]

0 comentários:

Enviar um comentário