sexta-feira, 8 de maio de 2015

Reportagem: The Legendary Tigerman - Sabotage Club [Lisboa]



Já antes das portas abrirem, as pessoas juntavam-se a porta do Sabotage para ouvirem o blues-rock de Paulo Furtado (aka The Legendary Tigerman). Apesar de ser dia de semana, o Sabotage ia-se enchendo para ouvir, talvez, o melhor one man band de Portugal, agora acompanhado de Paulo Segadães na bateria e de João Cabrita no saxofone. O espaço pequeno do Sabotage ia garantir um concerto íntimo que, certamente, se adivinhava perfeito para os maiores fãs do artista português, onde o ambiente já ia aquecendo antes do concerto, com conversas amigáveis entre as pessoas presentes. 15 minutos depois da hora prevista para o início do concerto, Tigerman abriu a noite com "Sister Ray", do álbum Femina, ainda sozinho em palco, mas com toda a energia que o seu blues-rock mostra, seguindo com "Wild Beast", agora já com baterista e com saxofonista





Depois desta música, Tigerman pediu para os fotógrafos se retirarem de modo aos presentes ocuparem os espaços da frente para dançar. O ambiente era de festa no Sabotage, Paulo Furtado esteve sempre destruidor na guitarra, tocando com toda a emoção possível, e com todo o mérito para João Cabrita, pois a dupla que a guitarra fazia com o saxofone era perfeita para os nossos ouvidos. O concerto seguiu assim rumo ao final, com destaque para “These Boots Are Made For Walking", cover de Nancy Sinatra que Tigerman toca frequentemente nos seus concertos, ainda com advertências ao publico nos intervalos das músicas por causa do barulho causado, dizendo as palavras ”Fumai, bebei, mas calai-vos” de modo a acalmar os presentes.




O concerto terminou com “21st Century Rock and Roll", do ultimo album do Tigerman, True. Foi aqui que Paulo Furtado, em modo diabólico, cantou no meio do público e subiu ao balcão do Sabotage, espalhando toda a energia que restava do seu “rock n’roll” pelos presentes, deixando o público em euforia. Após um pequeno encore, terminou assim um grande concerto onde as pessoas dançaram com toda a alma no Sabotage num dia de semana.

Texto: Tiago Farinha

Fotografia: João Marques 

0 comentários:

Enviar um comentário