quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Oiçam: Nancy Knox


Nancy Knox é um dos nomes que devem decorar para os próximos tempos da música portuguesa se são fãs da pop noir, de ritmos arrastados na melancolia e rasgados nos grooves e, obviamente, de raparigas bonitas a desenvolver sonoridades cativantes. Nancy Knox preenche todos os requisitos e vai mais além no seu primeiro EP de estreia, Pit Of Despair. O disco chegou às prateleiras já no final do ano e por isso não teve o fortúnio de ser contemplado nas listas das melhores edições do ano mas não é por isso que deixa de merecer uma audição cuidada.

Um dos singles de avanço deste EP de estreia da artista chegou em novembro de 2018 sob o epíteto "Tropical Mermaid" e, logo nos fez associar a voz de Nancy Knox ao timbre camaleónico de Nicole Sabouné. Uma malha pop deprimente à qual se sobrepõe, com o avanço temporal, uma voz poderosa e altamente emotiva e, mais tarde, a aura fofinha explorada por bandas como Beast Coast. Tudo isto em repetição e enquadrado num retrato sonoro de duração aproximada a cinco minutos. Malhão.



Pit of Despair é um disco de cinco canções repleto em atmosferas ora sombrias, densas e poderosas, ora cintilantes, groovy, e provocantes. Ao longo dos cinco temas Nancy Knox projeta-nos o seu mundo vampiresco, a sua longa experiência na utilização da música como linguagem de comunicação e, acima de tudo, que tem potencial para rodar nas vossas playlists. Ora oiçam:

0 comentários:

Enviar um comentário