terça-feira, 23 de julho de 2019

O furacão dos Black Midi passa por Lisboa em setembro


Os Black Midi são um quarteto oriundo de Londres que tem vindo a impressionar tudo e todos nos últimos meses, prometendo ser uma das próximas "grandes sensações do indie-rock". 

Formados em 2017 por Georgie Greep (vocais, guitarra), Matt Kwasniewski-Kelvin (vocais, guitarra), Morgan Simpson (bateria) e mais tarde juntando-se Cameron Picton (vocais, baixo), os membros desta banda conheceram-se todos enquanto estudavam na conceituada escola de artes britânica BRIT School. Antes da banda ser concebida, precederam-se jams de improviso separadas entre George, Matt e Morgan, e ao formar o quarteto lançaram o seu single de estreia "bmbmbm" em 2018 pela editora Speedy Wunderground, sucedendo-se vários concertos pela Europa.


Ao juntarem-se à Rough Trade Records em janeiro de 2019, os Black Midi começaram a acelerar o seu passo e lançaram dois singles, "Crows Perch" e "Talking Heads". Em maio desse mesmo ano, anunciaram o seu primeiro álbum Schlagenheim, gravado num período de 5 dias com o produtor Dan Carey. E mal o álbum fora editado, a banda foi inundada de elogios e criticas positivas em tudo o que era imprensa musical. E isto justifica-se. Schlagenheim trouxe uma lufada de ar fresco ao punk rock em termos de criatividade e qualidade. É como se tivessem ido buscar os The Fall para os tempos modernos e ao trabalhar esse som, adaptando-o ao nosso tempo, resultara dali uma coisa realmente única. Quem ainda não ouviu este álbum deverá fazê-lo o mais depressa possível.

Os Black Midi passam então pela Galeria Zé dos Bois no dia 25 de setembro (com começo marcado às 22h), pouco tempo depois de passarem pelo festival Vodafone Paredes de Coura. Os bilhetes custam 12 euros e estão disponíveis na Flur Discos, Tabacaria Martins e ZDB (segunda a sábado 22h-02h). 

0 comentários:

Enviar um comentário