sexta-feira, 9 de agosto de 2019

Mucho Flow 2019 anuncia primeiras confirmações



O Mucho Flow está de regresso a Guimarães no próximo mês de novembro. A sétima edição do festival que antecipa o futuro da música contemporânea marca também o décimo aniversário da editora e promotora vimaranense Revolve, que organiza o festival desde 2103, e extende-se, pela primeira vez, a dois dias. O evento, que tinha o Centro para os Assuntos da Arte e Arquitetura (CAAA) como berço, expande-se agora para vários salas da cidade e acontece nos dias 1 e 2 de novembro.

As primeiras confirmações já são conhecidas, e a matriz do festival continua a mesma - a da aposta em nomes que vão dar que falar no futuro. Foi assim com  Nadia Tehran, Sega Bodega ou Black Midi, todos eles a assinarem as primeiras atuações em Portugal neste evento.

Este ano, o Mucho Flow celebra a emergência com os finlandeses Amnesia Scanner. A dupla composta por Ville Haimala e Martti Kalliala (ex-Renaissance Man) é uma das mais entusiasmantes apostas da nova música club, e as suas composições aliam uma amálgama polirrítmica de batidas quebradas à mais evoluída tecnologia (ou não fossem eles os criadores de Oracle, voz gerada através de inteligência artifical que complementa boa parte dos seus temas). Another Life, o primeiro longa-duração do duo, é uma epopeia de extremos onde o maximalismo dita a ordem (ou desordem) do cada vez mais apocalítico mundo digital, e mereceu edição pela respeitada editora germânica PANDepois de integrarem o cartaz da última edição do festival Madeiradig, em 2018, os Amnesia Scanner estreiam-se finalmente no continente com uma performance única em Guimarães.

Já os Heavy Lung, que também integram o primeiro leque de confirmações, vêm de Bristol e trazem post-punk com brilho e gravilha. São reflexo de uma nova uma linhagem rock britânica que tem nos Black Midi, Idles e Fontaines D.C. os seus porta-vozes, e contam apenas dois EPs. O seu som é dotado de uma energia invejável, e o seu vocalista é nada mais, nada menos que Danny Nedelko, o imigrante ucraniano que é estrela no teledisco de "Danny Nedelko", dos comparsas Idles. A estreia dos britânicos em Portugal faz-se, também ela, no Mucho Flow.

Os bilhetes encontram-se disponíveis por um número limitado de passes gerais a 20 euros, e podem ser adquiridos aqui.





0 comentários:

Enviar um comentário