segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

7 ao mês com Emma Acs


No último While I Shoot From My Fortress of Delusions (2020, Third Coming RecordsEmma Acs apresenta um renascimento poderoso, celestial e pronto para se fazer sentir como uma das grandes edições deste ainda jovem 2020. Um disco altamente emotivo e conquistador onde a melancolia inerte envolve e apaixona o ouvinte. Eclético e conciso no resultado, While I Shoot From My Fortress of Delusions viaja entre os mundos da pop-rock, a experimentação e improviso arrojados do jazz, a produção do hip-hop e o mundo clássico, sem nunca perder a sua aura romântica. 

Envolvidos nesta essência amorosa decidimos fazer um convite a Emma Acs, artista dinamarquesa atualmente sediada em Los Angeles, para ingressar a nossa lista de convidados da rubrica 7 ao mês e escolher sete artistas que a influenciaram não só como artista, mas também como pessoa. Aproveitem, então, para conhecer todo um outro lado de Emma Acs através das músicas que marcaram a sua playlist



Scott Walker 

Scott Walker é uma inspiração para toda a vida. Desde o The Walker Brothers à era Bish Bosch e às suas últimas partituras antes dele, tristemente, falecer. Não há uma única fase da carreira dele que eu não ache encantadora e profundamente inspiradora. Tenho a certeza de que consigo pensar em uma música de Scott Walker que me levou pela mão a cada evento importante e transformador da minha vida. A sua música tem sido a banda sonora para as memórias bonitas e tristes. A sua personalidade como artista sempre foi tão misteriosa para mim. Adoro como esta superestrela incrivelmente linda e jovem com a voz mais comovente e uma atitude imprudente desapareceu do público para compor um disco mais assustador e assombrado que o anterior. 





Kevin Ayers 

Kevin Ayers, oh, como eu absolutamente adoro a música dele. É tão autoconsciente e genialmente escrita. O seu grande sentido de humor e as suas descrições sempre certeiras de emoções e situações realistas apanham-me sempre. Sem dúvida, uma das minhas maiores influências como compositora. Ele é um mauzão totalmente subestimado, com um estilo atrevido dos anos 70. 




Elvis Presley 

Eu amo os cantores sentimentais dos anos 50 e eu amo o Elvis. No momento, eu realmente estou na onda dos álbuns cristãos dele. Eu estou mesmo a explorá-los profundamente. Há algo sobre o que acontece quando essas grandes estrelas de repente "veem a luz". Então, tudo passa a ser sobre isso. Eles canalizam tudo para o caminho em que agora, de repente, se apegam, mas ainda com toda a sua sensualidade e ritmo. Da mesma forma que acontece com o novo álbum do Kanye. Amei esse disco também. 




Xxxtentacion (and that whole emo sound cloud wave)

Enquanto eu produzia e terminava o EP While I Shoot From My Fortress Of Delusions, eu só ouvia toda essa onda de emo sound cloud rap do período de 2017/2018. Eu amo o Trippie Redd, que é quem canta o refrão neste tema. A voz dele soa como loucura da personalidade borderline e encaixa-se perfeitamente na música tranquila. XXXTentation em geral tem a voz mais profunda e bonita em que consigo pensar. Descansa em paz. 




Henry Mancini 

Eu acho que ele é mais conhecido pelo tema da pantera cor-de-rosa, mas Henry Mancini escreveu muita música incrivelmente bonita e cativante. Eu acho que uma das minhas obras favoritas dele é a experimentação no campo das bandas sonoras de terror. A música dele faz-me sentir como se a minha vida fosse um filme e essa talvez seja a minha sensação preferida de todas. Quem é que não quer viver num filme? 




Townes Van Zandt 

Não consigo pensar em ninguém que escreva letras mais bonitas do que Townes Van Zandt. Ele tem sido uma grande inspiração para mim. As suas músicas são tão devastadoras quanto a sua vida e são como todos os seus choques elétricos. Os seus abusos e manifestações de dor deram-lhe o dom de escrever essas músicas country perfeitas. É tão americano no seu melhor estado. Ele podia ter sido um dos maiores compositores da história. 




Everly Brothers 

Eu amo os Everly Brothers. São daquele tipo de bandas que trasmite o ar de inocente, mas por baixo da superfície mostram algum tipo de amargura e ansiedade que os torna tão radicais. Os Beach Boys têm mais ou menos a mesma onda. As suas harmonias são tão satisfatórias e as melodias fluem tão naturalmente que eu acho isso muito inspirador. 




Se quiserem saber mais sobre a Emma Acs aproveitem para a seguir através do Facebook ou pela plataforma Bandcamp, onde podem comprar este novo While I Shoot From My Fortress of Delusions





------------ ENGLISH VERSION ------------


With her latest EP While I Shoot From My Fortress of Delusions (2020, Third Coming Records) Emma Acs brings a powerful and celestial revival, ready to make itself felt like one of the great releases of the starting year of 2020. A highly emotional and conquering album where inert melancholy surrounds and fascinates the listener. Eclectic and concise in the result, While I Shoot From My Fortress of Delusions travels between the worlds of pop-rock, the dashing experimentation and improvisation of jazz, the production of hip-hop and the classical world, without ever losing its romantic aura. 

Involved in this loving essence, we decided to invite the Danish artist currently based in Los Angeles to join our list of guests in our monthly rubric "7 ao mês" in order to choose seven artists who influenced her not only as an artist but also as a person. Take the opportunity to get to know a whole other side of Emma Acs through the songs that scored her playlist: 



Scott Walker 

Scott Walker is a life long inspiration to me. From The Walker Brothers to the Bish Bosch era and his latest scores before he sadly passed away. There's not a single phase of his career I don't find enchanting and deeply inspirational. I'm positive that I can think of a Scott Walker song that took me by the hand for each important and changing event in my life. His music has been the soundtrack to both beautiful and sad memories. His personality as an artist was always so mysterious to me. I love how this young drop-dead handsome superstar with the most heartbreaking voice and a reckless attitude just disappeared from the public to write the more haunting and scary record after the other. 




Kevin Ayers 

Kevin Ayers, oh how I absolutely adore his music. It's so self-aware and geniously written. His great sense of humor and always accurate descriptions of real-life emotions and situations get me every time. Without a doubt one of my biggest influences as a songwriter. He's an underrated total badass with cheeky 70s swag. 




Elvis Presley 

I love 50's crooners and I love Elvis. At the moment I'm really into his Christian albums. I'm really really diggin' it. There's something about when these massive superstars suddenly "sees the light". Then everything is about that. They channel everything into the path they now suddenly cling on to but still with all their sexiness and groove. Just like Kanye's new album. loved that one too. 




XXXTentacion (and that whole emo sound cloud wave) 

While producing and finishing the While I Shoot From My Fortress Of Delusions EP, I only listened to that whole emo sound cloud rap wave of 2017/2018. I love Trippie Redd who's singing the chorus on this track. His voice sounds like borderline insanity. and fits the quiet song perfectly. XXXTentation in general has the most profound and beautiful voice I can think of. RIP.




Henry Mancini 

I guess he's best known for the pink panther theme, but Henry Mancini has written so much insanely drawing and beautiful music. I think one of my favorite pieces by him is the experiment in terror soundtrack. His music makes me feel like my life is a movie and that might be my favorite feeling of all. Who doesn't wanna live in a movie? 




Townes Van Zandt 

I can't think of anyone who writes more beautiful lyrics than Townes Van Zandt. He's been a huge inspiration to me. His songs are just as devasting as his life was and it's like all his electro-shocks, his abuse and pain manifests have given him the gift of writing these perfect country songs. It's so American as it's best. He might have been one of the greatest songwriters. 




Everly Brothers 

I love the Everly Brothers. It's one of these kinds of bands that seem like the goodie-two-shoes kind of good guys. but beneath the surface, there's some kind of bitterness and eagerness that makes it so rad. Beach Boys kind of have the same thing. Their harmonies are so satisfying and their melodies flow so naturally, I find it very inspiring. 




If you want to know more about Emma Acs make sure you follow her on Facebook or at her Bandcamp page where you can buy this new While I Shoot From My Fortress of Delusions.



0 comentários:

Publicar um comentário