domingo, 2 de fevereiro de 2020

A terra deserta dos SHADOWORLD


Em novembro do ano passado os SHADOWORLD lançaram cá para fora Desertland, disco de nove faixas que coaduna o melhor da música folk sombria com um rock ocidental, uma eletrónica moderna combinada com as ondas da música neoclássica e ainda algumas reminiscências da música industrial. Através de um disco multifacetado, a dupla formada por Roberto Del Vecchio e Old Boy cria atmosferas que nos remetem para os territórios de nomes como Nick Cave, Death in June, Depeche Mode, Johnny Cash e/ou Mark Lanegan, sempre com um toque muito peculiar envolvido. 

Neste novo Desertland a banda leva-nos pelo som do vento a entrar uma jornada pelo pó da sua tão nobre terra deserta. Com músicas acústicas na sua essência, mas aveludadas pela decadência estética da eletrónica obscura, os SHADOWORLD criam um disco essencialmente contemplativo, profundo e intimista. Desde músicas mais calmas e reconfortantes - como "A Place Called Home", "Silver Rain" ou "Neptuno" - a temas mais poderosos e imersivos - como "Dead or Alive" ou "Empty Rooms" - Desertland é um disco que proporciona uma viagem bela e altamente nostálgica a quem se atrever a clicar no play.

Desertland chegou às prateleiras no dia 19 de novembro de 2019 em formato digital na alçada da Netlabel italiana The White Room. Podem comprar a vossa cópia aqui.


0 comentários:

Publicar um comentário