sábado, 2 de maio de 2020

FUSCO lança álbum de estreia pela Favela Discos



O primeiro trabalho de estúdio, homónimo, do músico e compositor luso-germânico Nils Meisel, que atua sob o alias FUSCO, saiu no passado dia 1 de maio pela portuense Favela Discos

Meisel é um artista de disciplina múltipla e podemos escutá-lo nos trabalhos da banda jazz-punk pós-aquatica Sereias, no post-pop combat de Lonzdale’s Fantasy ou no duo experimental Preto Marfim, que divide com Luís Figueiredo. O projecto a solo que tem vindo a desenvolver nos últimos anos é, como o nome indidca, escuro e sombrio, focado essencialmente na música eletrónica improvisada e nos ambientes sombrios de Gas ou no lado mais cósmico das eletrónicas de Manuel Gottsching.

Juntamente com o artista visual Henrikas Riskus, também conhecido por H2, Meisel transportou a estética multicolorida das suas composições para um formato audiovisual contemporâneo e irreverente que procura elevar as estéticas do passado.

Fusco encontra-se disponível nas várias plataformas digitais e a sua versão física, em cassete, pode ser adquirida no Bandcamp da Favela.


0 comentários:

Publicar um comentário