sexta-feira, 7 de agosto de 2020

Os Evil House Party vão ser a próxima grande cena


Sai hoje o primeiro tema de carreira dos Evil House Party, o projeto dinamarquês que junta a nova musa dos anos 20, Emma AcsJacob Formann, o guitarrista dos Communions e a mente de Mini Esco, uma das cartas da vanguarda eletrónica da Posh Isolation. Agora, bastante afastados dos ambientes sonoros que têm explorado em projetos paralelos, em Evil House Party os músicos apostam na pop depressiva da qual nos chega agora a primeira amostra, "Wicked". Badalados no ritmo de entrada, a sonoridade da dupla dinamarquesa prende-se a tudo menos conceções estáticas. Entre criações confusas, sombrias e vibrantes, com alguma essência do verão a personalidade dos Evil House Party é rica em atitudes, viajando entre vastas planícies e montanhas sonoras.

Numa entrevista à Knife Magazine, Jacob Formann fala um pouco sobre a ideia por trás do conceito de Evil House Party. Segundo o músico "Na Rua Psicopata - que é uma espécie de rua principal fictícia - há uma casa assustadora e assombrada. A Emma (Acs) é uma vampira que se muda para aquela casa. Então ela convida todos para uma festa de inauguração, que é a Evil House Party". O resultado da festa pode assimilar-se na íntegra no EP da banda que segue ainda sem data anunciada. Até lá é curar a depressão de verão com este incrível "Wicked".

O EP de estreia dos Evil House Party é esperado para chegar às prateleiras no final deste ano na alçada Third Coming Records.


0 comentários:

Publicar um comentário