segunda-feira, 26 de outubro de 2020

BAHK (Elvin Brandhi e Daniel Blumberg) atuam na ZDB no final do mês













BAHK, o novo duo formado pelos britânicos Elvin Brandhi e Daniel Blumberg, apresenta-se na Galeria Zé dos Bois no próximo sábado, dia 31 de outubro. O espetáculo surge no âmbito da residência artística de Brandhi na sala lisboeta, que aponta a colaboração como uma das mais surpreendentes dos últimos tempos.   

Daniel Blumberg iniciou uma jornada de sucesso com os Yuck, quarteto noise-pop responsável por hinos que nunca chegaram a ser como “Georgia” e “Get Away”, mas o interesse pela improvisação livre levou o londrino a tomar novas e desalinhadas rotas como artista a solo. Lançou dois álbuns pela respeitada editora inglesa Mute, sendo On&On, de 2020, o seu trabalho mais recente, e atuou em várias salas de respeito, incluindo o afamado Cafe OTO, em Londres, com quem mantém uma proveitosa relação.  

Elvin Brandhi destaca-se pelo disruptivo trabalho que talha ao lado do seu pai no duo Yeah You (a dupla atuou este mês no MAAT, em Lisboa), colaborou com os lendários Pat Thomas e Tony Allen, baterista de sempre de Fela Kuti, e assinou um dos mais admiráveis registos do ano enquanto Villaelvin, projeto que a juntou a Don Zilla e vários figuras do coletivo Nyege Nyege Tapes.  

“We Never Landed” é, por enquanto, o único tema conhecido deste promissor projeto, uma experiência feérica de vozes e mantras tortuosos que integrou a primeira compilação da promotora Qu Junktions em maio.

O concerto acontece pelas 19h no aquário da ZDB e possui o custo único de 5€ (podem comprar os bilhetes aqui). A entrada é limitada a 20 pessoas por sessão. 


  

0 comentários:

Publicar um comentário