quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Silente leva-nos até ao seu mundo dos sonhos com o single "Em Espera"

© Nuno Mendes

Consultando o dicionário, a palavra "Silente" surge como algo "desprovido de barulho; sem ruídos ou sons; silencioso. Que não fala; que não se expressa por meio de palavras; calado". O que o dicionário não nos conta é que Silente é também o novo projeto de Miguel Dias (ex-Rose Blanket) e Filipa Caetano, e que conta com a colaboração do escritor/poeta Frederico Pedreira nas letras.

O primeiro disco de Silente é o resultado de uma paciente maturação que se estendeu pelo período 2015-2019, durante o qual o gosto pela experimentação contribuiu para alongar, sem pressas, todo o processo criativo. As primeiras gravações datam de 2015, em Mindelo, tendo sido ainda feitas gravações em Figueiró dos Vinhos, durante 2017, para a captação de baterias e percussões. No entanto, a maioria das gravações foi feita em casa pelo Miguel Dias, que ainda fez a mistura e é responsável por grande parte da instrumentação. As vozes são de Filipa Caetano, que já tinha colaborado com Miguel Dias no último disco de Rose Blanket, Nothing Ahead Nothing Behind. Para este disco contribuíram também Miguel Gomes (guitarras em 2 temas e algumas percussões), Miguel Ramos (baixo em 3 temas) e Miguel Ângelo (baterias e percussões).

O tema "Em Espera" é o primeiro a ser conhecido do disco de estreia homónimo e apresenta-se como uma procura de realidades ainda mais sonhadoras e líricas. Silente sai no próximo dia 6 de novembro.

0 comentários:

Publicar um comentário