sexta-feira, 26 de fevereiro de 2021

"Almost A Mother" é o segundo avanço do novo EP de Bernardo


Sonia Bernardo, vocalista, guitarrista e produtora de jazz alternativo de Londres, apresenta este ano o seu segundo EP, Wasn't There, Someone Told Me. Tirando um tempo dos concertos, trabalhando com Phil Manzanera (Roxy Music) e abrindo para Jools Holland, Bernardo recrutou algumas das mentes musicais mais requisitadas de Londres, incluindo Skinny Pelembe, Dave Maclean (Django Django), Luke Wynter (Nubyan Twist / Roller Trio) e Oscar Robertson (Sunglasses For Jaws), para o seu novo EP de quatro faixas, editado pela Seloki Records.

Neste segundo single do EP, sucessor de "All You Leave is Love", Sonia Bernardo transforma palavras maldosas em música - colocando-nos sentados numa montanha-russa. Sonia uniu-se com o produtor Dave Maclean (Django Django) para produzir e editar ela mesma um videoclipe que sai na primeira semana de março.

O seu primeiro EP Panic Prayers, lançado em cassete e digitalmente em 2019, foi uma jóia pop sensual da música de guitarra underground e confirmou o lugar de Bernardo como um dos novos talentos mais emocionantes de Londres. Mostrando profundo amor pelo poder da melodia, o novo EP Wasn't There, Someone Told Me atravessa o dream pop, o característico pós-punk dub londrino e o soul psicodélico inspirado na bossa nova e explora temas de pertencimento, identidade e auto-avaliação.

Nascida em Londres e filha de portugueses, mudou-se para uma pequena aldeia no interior de Portugal antes de criar laços londrinos. Bernardo começou a escrever música aos 10 anos, imitando grandes nomes do fado. Quando a onda indie atingiu o Reino Unido, a adolescente voltou para Londres, onde começou a aprimorar seu ofício como produtora e guitarrista.

0 comentários:

Publicar um comentário