quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021

Kill Shelter e Antipole juntam-se em álbum colaborativo

Kill Shelter e Antipole juntam-se em álbum colaborativo

Tanto Kill Shelter como Antipole não são nomes estranhos para os fãs das andanças darkwave e coldwave. Tendo já trabalhado juntos em vários projetos paralelos desde 2018 os dois nomes juntam-se agora para dar vida ao primeiro álbum colaborativo. Intitulado A Haunted Place, o novo registo oferece um cardápio de oito temas inéditos que chegarão às prateleiras em março na chancela francesa Manic Depression Records. Até lá há um aperitivo de entrada, "Raise The Skies" - mais uma amálgama eletrónica profundamente estimulante à dança - disponível para consumo imediato. O novo tema apresenta-se como uma dicotomia entre a celebração da vida e a certeza da morte, lidando ainda com a perspetiva de viver/ser e vem acompanhado por um trabalho audiovisual, disponível abaixo.


O novo trabalho é envolvido pela melancolia estimulante e sombria que caracteriza o trabalho dos dois nos seus percursos a solo e, segundo a nota de imprensa é um álbum altamente emotivo que lida com sentimentos pessoais como a  perda, o vício, o isolamento e os remorsos. Como o próprio nome indica, A Haunted Place é um disco repleto de agudos angustiantes e graves introspetivos. Segundo Pete Burns, mentor do projeto Kill Shelter

"O conceito deste álbum nasceu de algumas das conversas que o Karl (Antipole) e eu tivemos na altura. O sentimento lírico em A Haunted Place é uma reminiscência de Keats e dos românticos sombrios e reflete fortemente a fragilidade da vida humana. (...) Musicalmente, eu queria ter certeza de que encontraríamos um equilíbrio entre as influências e as assinaturas sonoras e, ao mesmo tempo, entregar algo inesperado no processo."

A Haunted Place tem data de lançamento prevista para 26 de março, nos formatos digital, vinil e CD pelo selo Manic Depression. Podem fazer a pre-order do álbum aqui.



A Haunted Place
Tracklist:

01. Raise The Skies 
02. Burn Bright 
03. A Kiss in the Rain 
04. Into the Fire 
05. All for Nothing 
06. The Edge of Reason 
07. Of Roses and Thorns 
08. Every Waking Hour

0 comentários:

Publicar um comentário